Festa do Halloween sacrificada a ídolos.
Home news Devocionais

Festa do Halloween sacrificada a ídolos.

Vou parafrasear Paulo, para ajudar aos irmãos que tem dificuldade em entender os aplicativos da liberdade cristã.

Vou usar o texto de l Cor. 8 - Onde antes se lia comida, escrevi Halloween.

Festa do Halloween sacrificada a ídolos : :

E agora, no que diz respeito ao assunto de ir ao Halloween e aos festejos que tenham sido sacrificados aos ídolos, todos parecemos saber o que está certo. Ainda que a fama de muita sabedoria torne as pessoas importantes, o que é realmente construtivo é o amor.

Se alguém pensa que tem a resposta para todas as questões não está mais do que a revelar a sua ignorância. A pessoa que ama a Deus é aquela que Deus conhece.

Portanto, quanto a esse assunto, se devemos ir ao Halloween, nós sabemos que um ídolo não é coisa nenhuma. Só existe um Deus e nenhum outro.

Segundo muita gente, existe uma quantidade de deuses, tanto nos céus como na Terra. Contudo, sabemos bem que há um só Deus, o Pai, a quem pertencem todas as coisas, e que nos fez para sermos dele. Também há um só Senhor, Jesus Cristo, que criou igualmente todas as coisas e nos dá a vida.

No entanto, alguns cristãos não compreendem isto. Durante toda a sua vida habituaram-se a pensar que o Halloween é uma festa realmente consagrada a deuses reais. E agora ao ir ao Halloween isso perturba-os e fere a sua consciência sensível.

É verdade que não alcançamos o favor de Deus por aquilo que frequentamos. Não nos tornamos piores por não irmos, nem melhores por irmos. Mas tenham cuidado ao usarem dessa liberdade de ir seja onde for, para que não levem a pecar algum irmão cristão cuja consciência seja mais fraca.

Vejam o que pode acontecer se um crente fraco, que pensa ser mal ir a esta festa, vos vir a ir num templo de ídolos. No fundo, vocês sabem que não há mal nisso, mas ele será encorajado a violar a sua consciência, indo naquilo que foi sacrificado a um ídolo, embora continuando a sentir que está a agir mal.

Dessa maneira, vocês que sabem não haver mal nisso, tornam-se responsáveis pelo dano espiritual causado a esse irmão cuja consciência é fraca, mas por quem Cristo, afinal, também morreu. E pecar contra um irmão vosso, dando-lhe ocasião de fazer algo que pensa ser errado, é pecar contra Cristo.

Portanto, se ir ao Halloween que tenha sido consagrada aos ídolos fizer com que o meu irmão em Cristo venha a pecar, nunca mais irei a este festejo para não ser uma razão de ele cair.


Via @thiagosantana




COMPARTILHE:



+ lidas